Ecolojovem – “Os Verdes” debate a violência nas escolas

A Ecolojovem – “Os Verdes” reuniu no Porto para debater a violência nas escolas, fenómeno que tem vindo a aumentar de ano para ano e que cada vez atinge mais jovens.
A violência escolar deve ser analisada não só tendo em conta os comportamentos e características dos jovens, como também a realidade das escolas e da sociedade em geral.
Efectivamente, a degradação das condições humanas e materiais adequadas, a falta de profissionais docentes e não-docentes, a insuficiência de actividades lúdicas e pedagógicas, e a extensa dimensão das turmas, acabam por estar relacionadas com o aumento das situações de violência no meio escolar.
O número de casos de bullying é muito preocupante, e devem ser implementadas medidas que permitam às escolas ser um local seguro de aprendizagem e de formação, onde os jovens possam conviver num ambiente livre, inclusivo, saudável e democrático.
As sanções e punições, isoladamente, não são a solução para este problema. A Ecolojovem – “Os Verdes” entende que o combate à violência nas escolas deve também passar pela criação de um ambiente escolar saudável que proporcione a todos bem-estar e motivação. Todas as acções a aplicar têm de ser acompanhadas de medidas políticas no âmbito educativo e social.
Tem-se vindo a comprovar que as medidas autoritárias do Estatuto do Aluno em nada vieram resolver ou reduzir o problema, pois, tal como a Ecolojovem – “Os Verdes” sempre defendeu é necessário um verdadeiro investimento nos alunos e em toda a comunidade escolar e nas escolas.
Para tal, é imprescindível que as escolas estejam dotadas de gabinetes pedagógicos, constituídos por vários profissionais como psicólogos, educadores sociais, animadores socioculturais, assistentes sociais e professores, e que inclua também os alunos.
É também importante realçar o papel activo que as associações de estudantes devem ter na defesa dos direitos dos alunos, de modo a auxiliar e alertar a comunidade escolar para este problema.
A Ecolojovem – “Os Verdes” considera que só com a aplicação de efectivas medidas educativas e sociais, que abranjam os estudantes, mas também a escola e o meio em que se insere, se conseguirá a resolução deste fenómeno complexo.

A Ecolojovem – “Os Verdes”
Abril 2010

Sem comentários: